História

Embora a ideia de criação de uma empresa júnior no âmbito do curso de Direito da UFLA tenha sido concebida em 2013, seu funcionamento iniciou-se apenas em maio de 2014. Nesta primeira fase da EJ, os esforços foram concentrados na regularização da associação e na capacitação dos membros para a realização de futuros projetos. Finalmente, no final de 2014 – mais precisamente no mês de dezembro – a empresa teve seu estatuto e ata de fundação devidamente registrada no cartório de Lavras.

2

Nesse intervalo de tempo, vários membros entraram e saíram da Jurídica Júnior. Hoje, somam-se trinta e um, divididos em 5 diretorias: Relações Públicas, Gestão de Pessoas, Presidencial, Projetos e Jurídico-Financeira; e 3 núcleos: Núcleo MEJ (Movimento Empresa Júnior), Núcleo SER (Responsabilidade Socio-Empresarial) e Núcleo de Eventos.

Juntos, foram diversos momentos que a Jurídica Júnior oportunizou a seus membros e pessoas externas ao projeto. Cabe, então, citar alguns desses momentos. No começo de 2015 fomos parte da organização geral do I UFLA de Portas Abertas, cuja participação pró-ativa foi elogiada por muitos. Também colaboramos com a organização da Reunião Presencial da Fejemg (Federação das Empresas Juniores de Minas Gerais) em Lavras, em meados de 2015. E, ao final desse ano, fizemos parte da organização da 1ª Jornada Jurídica da UFLA, junto ao Centro Acadêmico Teixeira de Freitas (CATEF) e o PETI (Programa de Educação Tutorial Institucional) Direito UFLA.

No início de 2016, proporcionamos a palestra “Investimentos em Startups: Aspectos e Instrumentos Jurídicos”, com a participação do advogado Eduardo Rufini e dos fundadores da Startup Arbitrate. Ademais, realizamos um Meet-Up, para que todos(as) os(as) interessados(as) pudessem conhecer um pouco mais do nosso projeto. Por fim, não se pode deixar de mencionar que participamos de várias campanhas solidárias em conjunto com outras EJs da UFLA e de dezenas de Reuniões Presenciais (RPs) nesses últimos 3 anos. E, claro, todos esses momentos só tendem a aumentar cada vez mais!

3

É importante dizer também que a Jurídica Júnior realiza anualmente processos seletivos para entrada de novos membros. Estas ocasiões, aliás, são ótimas oportunidades de conhecer o funcionamento de um processo de seleção, tal como ocorre nas grandes empresas.